quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Como as ondas do mar,a vida é dinâmica.É tão certa a subida quanto a descida.Cada momento tem sua beleza. No prazer nós nos expandimos e na dor nos contraimos.

Um movimento é complementar ao outro. Saber apreciar a alegria e a dor constitui a base da felicidade.Você não pode ser feliz somente quando tem prazer,pois perderá o maior aprendizado da existência.

Você deve descobrir um jeito de ser feliz na experiência dolorida porque ela carrega a oportunidade de desenvolvimento.